Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A Miúda Agridoce

Miúda banal dos subúrbios de Lisboa, capital de Portugal, de onde orgulhosamente provenho.

A Miúda Agridoce

Miúda banal dos subúrbios de Lisboa, capital de Portugal, de onde orgulhosamente provenho.

Comprar um carro usado: Desafio colossal

Por motivos pessoais, eu e o meu "mais-que-tudo" estamos a precisar de mais um carro. Um para os dois deixou de ser funcional e assim começou a nossa busca. Nestes últimos dois meses tenho andado feita louca à procura de um carro usado, económico e não muito caro (até aos 800 euros mais ou menos). Ao fim de uma semana desisti de procurar carros a diesel. Haviam alguns dentro do "budget" mas claro, num péssimo estado e que exigiam manutenções muito superiores aos valores que eram pedidos pelos carros. Passei então para a missão gasolina. Como queria algo mais "fraquito" por assim dizer a nível de cilindrada, um 1.1 por exemplo chega perfeitamente para o tipo de condução que quero fazer, decidi explorar mais a fundo os peugeot 106, que segundo fontes seguras são bons carros a níveis de mecância e até bastante económicos. Aventurei-me por este mundo da internet na busca pelo meu novo veículo e encontrei algumas coisas interessantes. De todas, decidimos ir ver dois em Lisboa. O mais apelativo custava 400 euros, muito engraçadinho por fora a nível de pintura, tirando alguns pequenos pormenores: 

 

- O carro não é inspeccionado desde 2003;

- Chumbou na última inspecção;

- O nível de C.O's está demasiado elevado (razão pela qual também chumbou);

- Os documentos estão apreendidos pelo IMTT por falta de seguro;

 

 

Ah pronto! É só isto... tudo bem... graças a Deus nosso Senhor a matrícula (ainda) não foi cancelada!

Ainda bem que tivemos a inteligência de nos informar antes de ficar com o carro.